FOLLOW US

Presidente da República preside a partir de 09 de Junho ao 10 de Junho

Presidente da República chega amanhã (09/06/2017) para as celebrações do 10 de Junho
O Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas está a ser celebrado no Porto. Atividades Militares Complementares, com concertos à noite, criam na Baixa a proximidade entre Forças Armadas e a população. Amanhã, Marcelo de Sousa acompanha o programa. No sábado, preside às cerimónias no largo do Molhe, com parada e desfile militares nas avenidas do Brasil e de Montevideu.
Inaugurada ontem pelo presidente da Câmara, Rui Moreira, a demonstração de meios e competências dos três ramos das Forças Armadas (Marinha, Força Aérea e Exército), patente até domingo, cumpre hoje o segundo dia de demonstrações abertas ao público. Nos Aliados e na Praça D. João I, são muitas as atividades gratuitas que convidam a conhecer as várias valências e realidades do contexto militar.
Simultaneamente, está a decorrer um programa de concertos, sempre pelas 21,30 horas. Ontem à noite, o palco nos Aliados pertenceu à Banda da Armada; hoje a música é oferecida pela Banda do Exército. Amanhã é a vez da Banda da Força Aérea e no sábado da Orquestra Ligeira do Exército.
Será com uma visita a este cenário militar instalado na Baixa, onde presidirá ao hastear da Bandeira Nacional, que o chefe de Estado começa, amanhã de manhã, o programa presidencial de celebração do 10 de Junho no Porto. Na parte da tarde, Marcelo Rebelo de Sousa, sempre acompanhado pelo presidente da Câmara, Rui Moreira, cumpre uma agenda que dá destaque a uma visita privada à exposição “O Foral do Porto. 1517-2017. Marca de um Rei, Imagem de uma Cidade”. A mostra abre ao público no domingo, no Arquivo Histórico do Porto/Casa do Infante.
Entre vários pontos que marcam o programa comemorativo, nesta sexta-feira, é de realçar uma sessão de fogo-de-artifício sobre o Douro, a partir das 22 horas.
No sábado, 10 de Junho, as cerimónias oficiais concentram-se na linha do Atlântico. Às 10 horas, o chefe de Estado preside à cerimónia militar do Dia de Portugal, no largo do Molhe. Segue-se um desfile, com perto de 1.500 militares, nas avenidas do Brasil e de Montevideu. Recorda-se que, devido ao programa, são vários os congestionamentos de trânsito na zona de Nevogilde e Foz (ver anexo).
Ao início da tarde, Marcelo Rebelo de Sousa viaja para o Brasil, estendendo as celebrações do 10 de Junho a São Paulo e ao Rio de Janeiro.
Fonte:Porto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.